Comportamento,  Sexo

Quando o orgasmo parece impossível…

É interessante falar sobre uma das necessidades mais básicas dos seres humanos: O SEXO!

Há tanta informação quanto dúvidas…

Na adolescência idealizamos a relação sexual, trazemos para o mundo das ideias, das fantasias. Quando compartilhamos as experiências com amigos descobrimos que a realidade é bem diferente. Às vezes é difícil conseguir nos excitar, em outras vezes dói, alguns relacionamentos podem não ter sido o que esperávamos. Também é comum que uma decepção emocional traga um peso muito grande…

E a pergunta que fica é: vai ser sempre assim?

A realidade é que a temos o sexo idealizado com base nos filmes pornôs onde há um a super estimulação, corpos sarados, homens com membros gigantes, mulheres que são “super em tudo”, seja na barriga chapada ou na performance. Fala sério! O que é aquilo tudo?

Com o passar do tempo e com as experiências, começamos apensar que há algo errado com a gente quando, por exemplo, não se conseguimos atingir o orgasmo.

Bom, este é um grande erro e deve ser eliminado da nossa cabeça. Primeiro porque é fato que para uma mulher se excitar há um longo caminho a percorrer.

Enquanto os homens tem o desejo “ativado” pela visão, as mulheres se excitam mais pela audição e tato (AQUELA PEGADA BOA!). É claro, as importantíssimas preliminares!!!

Aí vem outra questão: as preliminares são vistas apenas pelos momentos antes da penetração.

Gente!!! O sexo não começa nem termina com penetração por isso, se você só ficar ali fazendo firula é broxante.

Há que se considerar também que ter orgasmo apenas com a estimulação antes do clitóris, é natural. Este é o seu corpo e ponto.

Mas voltando ao tema… duas questões devemos analisar.

Por um lado, as mulheres atingem o orgasmo mais facilmente através do clitóris (embora haja um orgasmo vaginal, mas isso é outra questão). A sexóloga Ruth González diz: “a percentagem de mulheres que atingem o orgasmo através da penetração é menor do que as mulheres que conseguem através da estimulação do clitóris.” Então, se você nunca chegar lá com a penetração, não é ruim ou estranho, quem tem que tem que tomar o controle da situação é você mulher!

Se nesta fase da vida ainda tiver perguntas sobre este órgão “esquecido”, busque mais informações. A internet está cheia delas.

Vale lembrar que “O tempo no sexo é diferente em homens e mulheres, que normalmente tem ritmos diferentes”. Com certeza você já viveu isso: ele atinge o orgasmo e fim de papo, acabou o momento, e você fica pela metade. Na melhor das hipóteses, você pode continuar em outras maneiras, mas chegar ao orgasmo, é muito difícil né…

E o que pode ser uma solução para essas desvantagens? Mais fácil do que você pensa: Tente fazer o seu clitóris a prioridade durante a relação sexual, tocar em si mesma durante a penetração e romper o tabu para incluir “brinquedos” na cama (investir em vibradores é pura magia, porque eles são uma maneira infalível para atingir orgasmo).

E isso não é uma questão de fazê-lo quando você tem confiança em seu parceiro, mas dar importância a si mesma, portanto, o seu orgasmo.

Isso irá colocar vocês em pé de igualdade, afinal já passou da hora, não é mesmo?

Pra te ajudar, dá uma olhada no  nosso site cheinho de ideias pra você fazer que cada momento seja único !!!

https://https://www.lojalov.com.br/

Entre e fique à vontade…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.